Influenciadores digitais estão driblando a atualização e a ocultação de likes através de publicação nas stories e publicação das legendas

No dia 17 de julho, o Instagram iniciou sua nova política de ocultar a quantidade de likes em fotos e visualizações de vídeos, deixando os números visíveis somente para os autores das publicações.

“Não queremos que as pessoas sintam que estão em uma competição dentro do Instagram e nossa expectativa é entender se uma mudança desse tipo poderia ajudar as pessoas a focar menos nas curtidas e mais em contar suas histórias”, justificou a empresa.

Polêmica, a medida ainda está dando o que falar e tem dividido opiniões. Entre os que se posicionaram de modo favorável está a youtuber Kéfera, que afirmou que agora os criadores de conteúdo possuem maior liberdade para produzir sem necessidade de impressionar.

Por outro lado, houve quem visse a novidade como ameaça tanto à popularidade quanto aos negócios. É o caso da influenciadora Marina Ferrari, de Alagoas.

Em entrevista ao Estadão, ela demonstrou preocupação com o quanto a ocultação dos likes pode impactar sua carreira e atrapalhar parcerias com anunciantes.

Foi por isso que decidiu burlar o sistema e usar os stories para divulgar os prints das 40 mil curtidas que havia recebido em uma foto. Apesar das críticas, ela não se diz arrependida.

“Com certeza continuarei a divulgar meus números nos stories, porque estou com um bom engajamento”, declarou ao jornal. “Postei meus números para mostrar que ainda ia aparecer para mim. Pedi para continuarem curtindo e comentando. Isso ajuda a me motivar mais e também a mostrar resultados para meus clientes”.

E ela não é a única a se aproveitar das brechas. Desde que a medida entrou em vigor, vários influenciadores têm usado os stories e até as próprias legendas das fotos para tornar público o número de curtidas em suas postagens.

 

Além disso, como a atualização ainda está em fase de testes, não é de se estranhar que ela apresente falhas. Em sua versão para desktop, a rede social ainda exibe as curtidas normalmente. O mesmo acontece quando o post é reproduzido em outra plataforma.

Veja os exemplos abaixo:

Via: Cláudia Abril